Mensagem de Solidariedade do CNLB aos Camponeses em Greve de Fome

“Felizes os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados” (Mt. 5, 6)

Motivados em nossa vivência cristã, nesse dia em que fazemos memória de Santa Luzia, invocada como protetora dos olhos, manifestamos nosso apoio e solidariedade aos companheiros e companheiras em “greve de fome”, contra a “reforma da Previdência e Seguridade Social”.

A proposta de reforma apresentada pelo governo Temer é mais uma atitude de des-governo brasileiro, que coloca em risco os direitos humanos, sociais e trabalhistas de milhões de brasileiros e brasileiras.

Como já dissemos anteriormente (nota de 15 de março de 2017), a proposta da “reforma da Previdência e Seguridade Social” ataca duramente os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras. O governo continua publicando inverdades sobre a Previdência, numa campanha milionária, para levar ao sacrifício homens e mulheres, do campo e da cidade, em detrimento do favorecimento e/ou enriquecimento de banqueiros, empresários e investidores, além de manter os privilégios dos militares, do judiciário e do legislativo, que não serão atingidos pela reforma.

Renovamos nosso compromisso com a causa que é para todos os brasileiros e brasileiras, principalmente os empobrecidos da cidade e do campo.
Abramos nossos olhos para enxergar a dura realidade do povo sofredor, que tem “fome e sede de justiça” e renovamos nossas forças no Deus de amor e misericórdia para sermos testemunhas fiéis de seu Reino.

Frei Sérgio Görgen, Josi Costa, Leila Denise, Fábio Tinga, Simoneide de Jesus, Rosângela Piovizani, Rosa Jobi e demais lutadores e lutadoras que se juntam à causa pelo país afora, contem conosco!

Cuiabá, 13 de dezembro de 2017
Marilza José Lopes Schuina
Presidente do CNLB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *