Encontro das CEBs do Setor Passos: COM MEDELLÍN DEUS PASSOU PELA AMÉRICA LATINA.

PARA QUE RENASÇA A JUSTIÇA E A PROFECIA!

O Encontro das CEBs do Setor Passos quer se somar às comemorações dos 50 anos de Medellín,  ponto mais alto de toda a nossa caminhada eclesial, o grande Concílio latino-americano, nosso Concílio maior.

A conjuntura em que vivemos – especialmente provocadora – nos desafia e nos obriga a rever, a revisar, a voltar atrás, a voltar às fontes da nossa identidade, da Igreja da Libertação. Recuperar a Igreja Popular nascida ao redor de Medellín é uma urgência que não podemos deixar para depois.

Com Medellín, nossa missão fundamental é acrescida de uma dupla tarefa: a de reinventar e renovar a Igreja a partir das bases (como uma rede de comunidades) e desde a opção pelos pobres e a de se integrar nos processos de libertação como força histórica dos oprimidos. Aliás é o que sugere nosso tema: Deus passou pela América Latina. Continua passando, metido em nossas lutas e em nossa História.

Ao celebrar, nos dias 22 e 23 de setembro, o marco simbólico do cinquentenário de Medellín, pretendemos colaborar para reacender, reavivar sua chama, seriamente ameaçada. A brasa ainda fumega no sonho de uma outra Igreja possível: que ofereça pão e vinho em altares cobertos de toalhas de mãos populares. Do Povo viemos e ao Reino vamos. Para os que não acreditam em nós ou não nos conhecem: tomem-nos por ameríndios, negros, mulheres, trabalhores/as e cristãos, seguidores/as de Jesus de Nazaré.

As CEBs são o sopro do Espírito no meio dos pobres. A Ruah divina inspira nosso canto, nossa louvação, nossa liturgia, nossa arte. Renegamos de quem diz que nossa Utopia morreu, se esgotou (ou é coisa do passado)… nunca estivemos tão comprometidos e encorajados.

Durante o Encontro, acontecerá também a exposição de 90 fotografias de D. Pedro Casaldáliga, por Douglas Mansur. Pedro, que não tem nome próprio, mas é uma atitude, uma lógica que dá sentido à nossa caminhada, optou pela dignidade das periferias contra a centralidade criminosa dos palácios dos ricos e da hierarquia da Igreja. Em 2018, celebramos os 90 anos de seu testemunho libertador, de sua fiel rebeldia. Com Pedro, segue nosso sonho de uma Igreja vestida só de sandálias e Evangelho, sem poder, comprometida com os pobres e excluídos.

Por Denis Wilson CEBs Passos MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *