SALMO DO ELEITOR CRISTÃO Por Zé Vicente

Como poderão dormir tranquilos, aqueles homens que mudam as leis, inventam pacotes e decretos, ameaçam a liberdade de eleitores, usam o teu nome e o nome de teus santos em vão e depois aparecem na televisão e nos milhões de retratos com cara de justos?

Senhor Deus, rei de todas as nações, estamos diante de mais uma eleição. É neste tempo que o teu santo nome sofre os maiores ultrajes, como também pode ser honrado e glorificado.

Benditos sejam todos os amigos do Senhor, amantes da justiça, que ao chegarem ao lugar de votação levam a consciência limpa e o voto livre! Que não se deixaram corromper pelo dinheiro dos poderosos, nem foram enganados com suas palavras vazias e promessas falsas.Que não se iludiram com promessas. Que não se iludiram com discursos mentirosos, nem se desuniram por paixões partidárias.

Felizes todos aqueles que fazem do seu voto uma arma de libertação dos oprimidos e não se deixam fazer de escada para levar ao poder homens e partidos, grupos e classes que pisam a dignidade da raça dos pequenos e jogam nas costas do povo os mais pesados fardos de exploração e sofrimento!

Quem age com firmeza e liberdade exultará de alegria ao sair da cabine eleitoral e poderá gritar para todos: que não se vendeu por dinheiro, favor ou amizade interesseira; que não votou amarrado aos cabrestos do chefe ou patrão, ou mesmo, de pais e parentes; que não manchou o voto com o medo, a covardia ou qualquer sujeira daqueles que promovem a politicagem…

Esses glorificam o teu nome, Senhor, e serão honrados no teu Reino de amor. Mas aqueles que sujam a história de violência e corrupção e impõem ao povo interesses pessoais como sendo os interesses da nação, não escaparão ao teu julgamento no dia da razão!

Como poderão dormir tranquilos, aqueles homens que mudam as leis, inventam pacotes e decretos, ameaçam a liberdade de eleitores, usam o teu nome e o nome de teus santos em vão e depois aparecem na televisão e nos milhões de retratos com cara de justos?

Como o teu olhar pode suportar homens arrogantes que perseguem os pobres e trabalhadores, prendem e condenam os profetas do teu Filho Jesus e desviam dinheiro público para fins eleitoreiros que nunca resolverão a fome do povo, mas são como escamas que cobrem a consciência e enganam a sede de justiça, como vemos na seca do nordeste?

Ficarão impunes, Senhor, aqueles que planejam e consentem a miséria e o atraso de milhões para engordar o lucro e o luxo de minorias que servem ao império do dinheiro.

Perdoa-nos, Tu que és a única fonte do verdadeiro poder livre e
serviçal, se nesta eleição, por qualquer desculpa, ainda votamos no partido deles!

De vitória em vitória, esses poderosos de hoje caminharão cambaleantes, como bêbados em fim de festa, para a grande
queda profetizada por Maria, mãe de teu filho, nosso Salvador!

Mas todos aqueles que se convertem ao teu nome, mesmo sofrendo derrotas passageiras, marcharão firmes como a rocha, para a santa vitória dos humildes e pequenos, que lutaram unidos, resistiram confiantes e votaram livres para a eleição de um Mundo Novo! E Tu, Senhor, conduz o teu povo nas estradas da paz…
Amém

ZÉ VICENTE

Contribuição de Edward Guimarães.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *