– OESTÃO

Ser tão sertão e o Cerrado brasileiro. Marcelo Barros

Ser tão sertão e o Cerrado brasileiro. Marcelo Barros

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
O Cerrado brasileiro é o segundo maior bioma do país, sendo apenas menor do que o bioma Amazônia. Está presente em todos os estados do Centro-oeste e ainda em estados do Nordeste e do Sudeste. Entretanto, de todos os biomas brasileiros é o mais ameaçado. Dos seus originais dois milhões de quilômetros quadrados, restam apenas 20% e esses mesmos estão seriamente ameaçados de desaparecer pela invasão do agronegócio. Esse quer transformar o Brasil em um imenso campo de soja transgênica, depois de haver criado pastos mais extensos do que alguns países da Europa. Na semana passada, os movimentos sociais e ecológicos comemoraram no 11 de setembro mais um “dia do Cerrado”. Eles reafirmaram a necessidade de que se estabeleçam na região do Cerrado programas criativos e, para essa região, de certo
Participantes do Grito enfrentam proibição da prefeitura e protestam nas ruas de Cáceres (MT)

Participantes do Grito enfrentam proibição da prefeitura e protestam nas ruas de Cáceres (MT)

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
Com a participação de aproximadamente 300 pessoas, entre lideranças sindicais, coordenadores de movimentos sociais, pastorais da igreja católica, padres e a presença de um pastor de igreja evangélica, o 24° Grito [email protected] Excluí[email protected] aconteceu ontem (sexta-feira, 7) em Cáceres, na região do pantanal mato-grossense. As atividades deste ano tiveram como tema “Vida em Primeiro Lugar” e lema “Desigualdade gera violência: basta de privilégios!”. Trabalhadores rurais da região já assentados fizeram visita de solidariedade aos sem terra que estão em acampamento na luta por reforma agrária, pão e trabalho. E também participaram da manifestação católicos dos municípios de Nossa Senhora do Livramento (a cerda de 200 km de distância) e de Curvelândia (a 70 km, em média).   “Se é pra ir pr
Guarani-kaiowa, um povo largamente perseguido, que vive na miséria, mas permanece na luta

Guarani-kaiowa, um povo largamente perseguido, que vive na miséria, mas permanece na luta

- NORTÃO, - OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
 “Uma luta árdua, não vai ser fácil reconquistar o território tradicional”. “Já morreram muitos, a lista dos que foram assassinados é grande, preferem morrer todos a se entregar e sair, permanecer na luta, unidos, mesmo correndo o risco de todos serem enterrados” As políticas do governo brasileiro contra os povos indígenas são claramente persecutórias, muitas vezes com o apoio explícito do poder judiciário. Um dos povos que mais sofrem essa atitude são os guarani-kaiowa, “um povo largamente perseguido, que vive na miséria e passa fome, que foi despejado de suas terras”, como denunciam agentes do Conselho Indigenista Missionário – CIMI, que preferem não se identificar como medida de precaução diante das constantes ameaças que sofrem em conseqüência de seu trabalho pastoral. Trabalhar co
Formação em Nova Xavantina (MT) discute identidade, círculos bíblicos e conjuntura

Formação em Nova Xavantina (MT) discute identidade, círculos bíblicos e conjuntura

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
A conjuntura do Brasil, a identidade das Comunidades Eclesiais de Base e a importância dos círculos bíblicos. Esses foram os assuntos tratados no 2º Encontro de Formação das CEBS da Diocese de Barra do Garças (Etapa Forania Norte), que ocorreu nos dias 25 e 26, na cidade de Nova Xavantina (MT), Regional Oeste 2. O tema do evento foi “Identidade e Espiritualidade das CEBs”. O primeiro encontro da diocese ocorreu em abril no município de Barra do Garças, como se pode ver nesta notícia.   Quem somos? A leiga Eloísa de Oliveira Lima apresentou o tema "Identidade das Comunidades Eclesiais de Base". Ela destacou que as CEBS têm na sua essência a disposição em seguir o exemplo de Jesus Cristo, especialmente no que diz respeito à inclusão do marginalizado, ao amor acima da lei e à defes
Confira produções da oficina de comunicação – CEBs Arquidiocese de Cuiabá

Confira produções da oficina de comunicação – CEBs Arquidiocese de Cuiabá

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
Uma das formas de compreender a ideia de comunicação popular é colocar a mão na massa. Foi isso que ocorreu na oficina de produção de textos, vídeos e áudios durante o Encontro de Comunicadoras e Comunicadores de CEBs da Arquidiocese de Cuiabá. A formação foi realizada nos dias 11 e 12 de agosto na capela São José Operário, bairro Altos do Coxipó, em Cuiabá, conforme matéria que já publicamos aqui no site das CEBs do Brasil. A oficina foi dividida em cinco partes: levantamento de assuntos relativos ao trabalho de CEBs e à comunicação popular; dicas de como fazer os materiais; produção dos conteúdos; socialização; e observações da assessoria sobre o que ficou legal e o que precisa melhorar. Confira a seguir alguns textos e vídeos produzidos [email protected] participantes do encontro. Estamos
CEBs da Arquidiocese de Cuiabá (MT) criam equipe de comunicação popular

CEBs da Arquidiocese de Cuiabá (MT) criam equipe de comunicação popular

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
As CEBs da Arquidiocese de Cuiabá (MT) têm agora uma equipe de comunicação popular, com as primeiras ações definidas. As principais são: manter uma página no Facebook para divulgar as atividades e reflexões das comunidades; e fortalecer contato com movimentos sociais que já possuem histórico de parceria. Essas definições ocorreram ao final do Encontro Arquidiocesano de Comunicação Popular, realizado em Cuiabá, na capela São José Operário, bairro Altos do Coxipó, no sábado (11) e domingo (12). O evento teve o tema “CEBS - Comunidades de Comunicadores/as Populares, onde o Maior Valor é a Dignidade Humana”. A assessoria foi de Ana Paula Carnahiba e Gibran Luis Lachowski, jornalistas e assessores em comunicação do Regional Oeste 2 das CEBs (MT).   Também é importante escre
Comunidade: um jeito de ser e fazer a igreja

Comunidade: um jeito de ser e fazer a igreja

- OESTÃO, Artigos, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
No tempo presente, o diálogo se faz urgente, como condição para constituição da identidade da pessoa. Diante do relativismo cultural entre o sujeito e o mundo que o rodeia, é indispensável uma interlocução, tendo em vista que somente na relação com o outro, que o indivíduo poderá descobrir-se a si mesmo, como sujeito protagonista de um mundo melhor, pleno do desejo e prática da justiça e santidade, na perspectiva da constituição de uma identidade coletiva, como resgate da cidadania e vida plena, como referencia a utopia da comunidade solidária. Comunidade onde tem prevalência o espírito da partilha livre e consciente da produção da humanidade, porque ontem, hoje e sempre, “a multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma. Ninguém considerava propriedade particular as coisas que
Dorothy Stang e Ezequiel Ramim, testemunhas de uma vida doada pela Amazônia.

Dorothy Stang e Ezequiel Ramim, testemunhas de uma vida doada pela Amazônia.

- NORTÃO, - OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
“A gente percebe que a mudança histórica, as transformações sociais, elas vindo de uma fé consciente, comprometida, apaixonante pela pessoa de Jesus de Nazaré, é algo que nada pode deter”. Pe. Paulinho A memória dos mártires fecunda a vida e as lutas dos povos da Amazônia, uma realidade que “neste momento em que Brasil passa por essa crise seria, devido a uma série de golpes que têm tirado os direitos dos pobres, dos trabalhadores”, como reconhece o Padre Paulinho, cobra especial importância. Nessa dinâmica, aconteceu neste último final de semana a 13ª Romaria da Floresta, em Anapú – PA, e a III Romaria do Padre Ezequiel Ramim, que coincidiu com a XI Romaria da Terra e das Águas de Rondônia, em Rondolândia. Nelas foram lembrados dois missionários que chegaram na Amazônia para defender
Cristãos Leigos e Leigas nas Comunidades Eclesiais de Base

Cristãos Leigos e Leigas nas Comunidades Eclesiais de Base

- OESTÃO, Artigos, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial
Comunidade eclesial de base: profunda interação entre fé e vida, Igreja e Mundo: na luta pela terra ou pela moradia;  na luta pelos direitos sociais, humanos e políticos; na ajuda a uma família necessitada; nas celebrações, nas rezas, nos círculos bíblicos...  O Documento 105 da CNBB – Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade, destaca as Comunidades Eclesiais de Base como um dos avanços da caminhada histórica de consciência da identidade e da missão dos cristãos leigos e leigas. “As Comunidades Eclesiais de Base (...), “têm oportunizado espaços de participação e de missão evangelizadora e exercício dos mais diversificados ministérios leigos” (27). “As Comunidades Eclesiais de Base são uma forma de vivência comunitária da fé, de inserção na sociedade, de exercício do profetismo e
Encontro do Laicato em MT destaca “Sujeitos na Igreja em Saída, a Serviço do Reino”

Encontro do Laicato em MT destaca “Sujeitos na Igreja em Saída, a Serviço do Reino”

- OESTÃO, Destaque, Destaque News
Cerca de 150 cristãos leigos e leigas de Mato Grosso participaram do Encontro Regional do Laicato, no município de Barra do Garças, região do Araguaia. A atividade foi realizada pelo Conselho Nacional do Laicato do Brasil (CNLB)/Regional Oeste II, tratou dos “Sujeitos na Igreja em Saída, a Serviço do Reino” e faz parte da programação do Ano do Laicatol. O encontro ocorreu nos dias 13, 14 e 15. Confira galeria de fotos ao final da matéria. O evento teve forte participação de integrantes das CEBs, pois investir na formação do laicato é uma de suas prioridades neste ano, conforme decisão tomada em Reunião Ampliada Regional no fim de 2017. A outra prioridade para este ano é a comunicação. Participaram do Encontro Regional do Laicato cristãos leigos e leigas das dioceses de Barra d