Sem categoria

Sínodo da Amazônia: tempo para construir uma Igreja com rosto laical e feminino

Sínodo da Amazônia: tempo para construir uma Igreja com rosto laical e feminino

- NORTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial, Sem categoria
  I Simpósio de Teologia Amazônica: "O laicato exige coragem e fé na vida para romper o que nos oprime, não somos objetos e sim sujeitos”. Refletir sobre o Sínodo da Amazônia e o Laicato é o propósito do I Simpósio de Teologia Amazônica que está acontecendo no Instituto de Teologia, Pastoral e Ensino Superior da Amazônia – ITEPES, em Manaus, nos dias 16 e 17 de agosto. A temática corresponde com a realidade eclesial da Igreja do Brasil que em 2018 celebra o Ano do Laicato e na Amazônia participa do processo do Sínodo Pan-Amazônico. O Simpósio faz parte de um planejamento que foi feito no início do ano. Em vista  ao Sínodo e ao trabalho evangelizador na Amazônia, a importância do laicato “tem uma razão histórica, porque a Igreja na Amazônia sempre foi levada a frente pelos leigos e leiga
Assembleia das CEBs Norte 1: Novos Caminhos no Coração da Amazônia

Assembleia das CEBs Norte 1: Novos Caminhos no Coração da Amazônia

- NORTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial, Sem categoria
Que “possamos acolher o sopro do Espírito numa Igreja extremamente missionária”, como é a Igreja da Amazônia. As Comunidades Eclesiais de Base do Regional Norte 1 celebraram sua Assembleia de 27 a 29 de julho em Manaus, refletindo sobre o tema: “CEBs, no coração da Amazônia, buscando novos caminhos”. O encontro teve um momento para fazer memória avaliativa do 14º Intereclesial, acontecido em Londrina no passado mês de janeiro. Junto com isso, refletiram  sobre a organização das CEBs, com a assessoria da irmã Eurides Alves de Oliveira, que chamou os participantes a pensarem juntos, iluminados pelo tema: “No espelho das comunidades, descobrindo o rosto das CEBs na Amazônia”. Partindo de uma perspectiva bíblica, a religiosa ajudou os 40 participantes da Assembleia a se questionarem sobre si
A pastoral orgânica e de conjunto. A Igreja como Povo de Deus que peregrina na história.

A pastoral orgânica e de conjunto. A Igreja como Povo de Deus que peregrina na história.

Sem categoria
Para o Concílio, catolicidade não é uniformidade generalizante. As Igrejas Locais são “porção” do Povo de Deus e não “parte”. A porção contém o todo. Vimos que o Vaticano II, ao reconciliar a Igreja com o mundo moderno, superou radicalmente os dois modelos de pastoral, então vigentes: a pastoral de conservação e a pastoral coletiva. Ambos eram tributários do período de cristandade e neocristiandade, respectivamente. No artigo anterior, caracterizamos o novo modelo de pastoral, que superou os dois anteriores – a pastoral orgânica e de conjunto, abordando-o enquanto “modelo de ação”. Vejamos, agora, o modelo de Igreja a ele subjacente. A Igreja como Povo de Deus, que peregrina na história Os principais elementos do modelo de Igreja do Concílio Vaticano II estão presentes na Lumen
Teologia da Libertação: “Deus e os Pobres continuam”.  Padre Júlio Ferreira

Teologia da Libertação: “Deus e os Pobres continuam”. Padre Júlio Ferreira

- NORDESTÃO, Artigos, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial, Sem categoria
Certa vez, Dom Pedro Casaldáliga, bispo emérito da prelazia de São Felix do Araguaia, indagado sobre o fim da Teologia da Libertação, respondeu: "Deus e os pobres continuam." Aqui está, nas palavras de Dom Pedro, a raiz dessa teologia latino-americana, que tem a capacidade e a ousadia de refletir Deus a partir do processo histórico. Uma Teologia que está estritamente ligada à irrupção dos pobres na Igreja e na sociedade. A Teologia da Libertação tem suas origens no Concílio Vaticano II (1962 à 65). Foi esse concílio que deu o ponta pé inicial para que a Igreja se revisitasse e analisasse sua relação com o mundo. Essa era a intenção do papa João XXIII, quando convocou o concílio. É a Igreja se abrindo e se reconhecendo como povo de Deus, servidora e solidária, capaz de escutar os clamore
Ampliada das CEBs  em Rondonópolis MT: Tempo de graça, partilha, crescimento, avaliação e espiritualidade.

Ampliada das CEBs em Rondonópolis MT: Tempo de graça, partilha, crescimento, avaliação e espiritualidade.

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial, Sem categoria
O Encontro da Ampliada das CEBs do Brasil será o aquecer das comunidades para o calor irradiante em 2022 no 15º Intereclesial das CEBs. As CEBs do Brasil se reune  na diocese de Rondonópolis/Guiratinga MT, Regional Oeste ll, para realização da Ampliada Nacional das comunidades eclesiais de base.  Representantes dos 18 regionais da CNBB. assessores, Bispos Referenciais foram recebidos pelas CEBs de Rondonópolis, que juntamente com todo o regional tem a missão de organizar o 15º Intereclesial que acontecerá em 2022. Dessa reunião também participa a equipe do secretariado do 14º, acontecido em Londrina Pr, em janeiro desse ano.  Dom Juventino Kestering,  Bispo diocese de Rondonópolis-Guiratinga  manifestou sua alegria em acolher as CEBs do Brasil, através de uma mensagem: Acompanhe! Ron
Coragem! Avante, CEBs do Brasil!  Dom Geremias  Steinmetz

Coragem! Avante, CEBs do Brasil! Dom Geremias Steinmetz

- OESTÃO, Destaque, Destaque News, Rumo ao 15º Intereclesial, Sem categoria
 Agora caminhamos rumo a Rondonópolis. Quero, em nome da organização do 14º Intereclesial desejar a Dom Juventino Kestering e à Diocese de Rondonópolis um bom proveito desta caminhada. É possível transformar este momento em etapas de uma verdadeira evangelização.   Ao ser preparada a 6ª edição do  Jornal A Caminho, foi me pedido um texto no sentido de fechar o ciclo do 14º Intereclesial acontecido em Londrina em janeiro de 2018, e abrir a caminhada em vista do 15º Intereclesial em Rondonópolis, no Mato Grosso. Lembro-me bem da participação, mesmo que pequena, no Intereclesial em Juazeiro do Norte – CE. Lá corria de maneira informal a notícia que o seguinte Intereclesial deveria acontecer no Paraná. Londrina se candidatou através do então arcebispo Dom Orlando Brandes e assim foi definid
A marginalidade do profeta. Marcelo Barros.

A marginalidade do profeta. Marcelo Barros.

Artigos, Destaque, Destaque News, Sem categoria
O Evangelho de hoje nos chama a assumir a postura radical e corajosa do/da profeta e alargar nossa família a todos os irmãos e irmãs que vivem no mesmo caminho da justiça e da libertação do povo oprimido. O evangelho lido nas comunidades nesse domingo (Mc 3, 20- 35) revela que, tendo provocado e desobedecido publicamente à instituição religiosa da sinagoga, Jesus volta para casa (as primeiras comunidades cristãs se reúnem nas casas. Então, a casa de Jesus é a casa da comunidade. É a Igreja). Isso me faz pensar nas Igrejas domésticas e quase clandestinas que se reúnem à margem das instituições oficiais e nas quais pessoas que, pela palavra de Deus, afrontam o sistema e vão além das leis vigentes, se encontram e se abastecem. No caso de Jesus, o texto diz que, naquela casa na qual Jesus
A “Igreja em saída” de Bergoglio: adesões e resistências do clero brasileiro  Oscar Beozzo

A “Igreja em saída” de Bergoglio: adesões e resistências do clero brasileiro Oscar Beozzo

Artigos, Destaque, Destaque News, Sem categoria
O Papa “quer uma Igreja em saída, que aceite sujar pés e mãos para socorrer os necessitados e que seja um hospital de campanha para os feridos nas vicissitudes da vida”. O professor Oscar Beozzo elenca vários avanços de Francisco nesses cinco anos de pontificado. Entretanto, aponta como central a perspectiva da “Igreja em saída”. Ele destaca que o Papa “quer uma Igreja em saída, que aceite sujar pés e mãos para socorrer os necessitados e que seja um hospital de campanha para os feridos nas vicissitudes da vida”. E acrescenta, na entrevista concedida por e-mail à IHU On-Line: “[esse Papa] recolocou o exercício da política como imprescindível, qualificando-a, na linha de Pio XII e Paulo VI: A política é uma das formas mais elevadas da caridade, do amor!”. Partindo desse ponto, Beozzo analis
David Romero, SJ: “Não vale a pena trabalhar na Amazônia sem consciência de estar unidos com outras pessoas e congregações”

David Romero, SJ: “Não vale a pena trabalhar na Amazônia sem consciência de estar unidos com outras pessoas e congregações”

- NORTÃO, Destaque, Destaque News, Entrevista, Sem categoria
"A beleza de acolher os leigos e leigas dessa região, que são pessoas da própria cultura e tem capacidade de ajudar a pensar e refletir soluções apropriadas para a missão." David Romero é um jesuíta nascido nos Estados Unidos que realiza seu trabalho evangelizador no Brasil faz trinta anos. Atualmente ele é delegado dos Jesuítas na Preferência Amazônica, que faz parte da província jesuítica do Brasil, o superior da Companhia na Amazônia brasileira. Como ele reconhece, seu trabalho tem uma dimensão de organização interna, mas também externa, pois em colaboração com a SJ Pan e a Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM), pretende promover a Amazônia dentro da Companhia de Jesus, tanto no Brasil como na América Latina, alem de colaborar no processo do Sínodo Pan-Amazônico, onde os jesuítas estã
ENCONTRO DIOCESANO DE CEBs DA DIOCESE DE PIRACICABA Regional Sul I

ENCONTRO DIOCESANO DE CEBs DA DIOCESE DE PIRACICABA Regional Sul I

- SULÃO, Artigos, Destaque, Destaque News, Sem categoria
No último domingo, dia 29 de abril, a Diocese de Piracicaba realizou o Encontro Diocesano das Comunidades Eclesiais de Base – CEBs para refletir sobre o Documento 105 da CNBB: “Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade: Sal da Terra e Luz do Mundo (Mt 5,13-15)”. O evento religioso aconteceu na Paróquia São Francisco de Assis, no Jardim Pérola, Santa Bárbara d’Oeste e teve a participação de 117 leigos e leigas; sendo 105 pessoas, homens e mulheres da Cidade e 12 pessoas de outras cidades: 8 de Piracicaba, 2 de Rio Claro, 1 de Americana e 1 de São Pedro). Tivemos ainda a participação do Padre Kleber Fernandes Danelon, nosso Coordenador Diocesano de Pastoral, que esteve conosco durante todo o encontro, representando Dom Fernando Mason, nosso Bispo. Participaram ainda o Diácono Iri